Nossos Projetos

Projeto Baobá


O Projeto Baobá surgiu em dezembro de 2008 por iniciativa do viveirista florestal Gilberto Vasconcelos com os principais objetivos:
→ Mapeamento;
Mapear os baobás de Pernambuco era um sonho que se tornou realidade. Após três anos de pesquisas surgiu a oportunidade de lançar um livro com o resultado desta pesquisa visto que nenhum registro da localização dos baobás teria sido feito até junho de 2011. No entanto o Projeto Baobá não poderia perder a oportunidade de mapear todos os baobás do Brasil e assim foi feito – no dia 27 de outubro de 2011 publicou o livro Mapa dos Baobás do Brasil. No quarto ano de pesquisa já somam mais de 20.000km percorridos.
​→ Monitoramento
O monitoramento é feito nas quatro estações do ano com o objetivo de acompanhar o desenvolvimento dos frutos e observar as condições de sobrevivência de alguns baobás centenários que vivem em total abandono.
​→ Coleta de frutos;
A coleta de frutos se dá entre julho e outubro. Em três anos de pesquisas foram catalogados oito frutos de diferentes tamanhos e formas: em Pernambuco foram catalogados seis  frutos, um em Assú – RN e um no Rio de Janeiro.
​→ Produção de mudas;
A primeira muda foi produzida ainda em 2008. Até hoje foram doadas mais de 1.000 mudas. Bem mais que a quantidade vendida.
​→ Propagação da espécie.
O Projeto Baobá  não só vendeu, doou inúmeras mudas para diversos municípios do Brasil. Além de distribuir gratuitamente em eventos como: VII Bienal do Livro PE, Expoideia – Recife, AGRINORDESTE 2011, VIII Bienal do Livro – PE, VII Feira Internacional do Livro de Pernambuco entre outros.

Sobre o autor

Gilberto Vasconcelos

Viveirista florestal

Deixe um comentário